Canadá – um Sonho de Viagem

Parte 1 – Planejamento

Doze anos após a primeira viagem, em 1993, em que conhecemos 3 cidades da costa Leste (Toronto, Montreal e Québec), resolvemos nos presentear com uma visita mais abrangente ao maravilhoso Canadá.

O planejamento teve seus contratempos, contei com o apoio da CVC, que na verdade não ajudou em quase nada, e somente após descobrir a Canadá Turismo na internet    www.canadaturismo.com.br é que conseguimos realmente destrinchar a viagem. Pelo roteiro sugerido pela CVC iríamos a Calgary, o que foi desaconselhado pela Canadá Turismo. Não me arrependi, acho que evitei uma cidade pouco turística. Sozinha eu reservei o hotel de Hinton (cidade próxima a Jasper, e bem mais econômica), um Holliday Inn básico e confortável, e também comprei nossas passagens de trem (Via Rail) de Toronto a Québec, já que cismei que não queria ir a Montreal (nem eu entendi…)

Nosso roteirinho ficou assim:

Começamos em Toronto, passando pela província de Alberta, e acabamos em Vancouver. Comece clicando em Toronto, depois Québec e continue até chegar a Vancouver. Você tem que mover o mapa para a esquerda (pois começamos em Toronto e Québec, costa leste, passamos por Edmonton e Montanhas Rochosas, na província de Alberta, centro do país, e fomos até Vancouver e Victoria, na Colúmbia Britânica, costa oeste do Canadá). Este é o googlemaps, ao qual fui apresentada através do excelente post do Fred .

É interativo, você pode colocar o nome de diversos locais que serão citados nos próximos posts, é divertido!
Começo aqui a matar, ao menos virtualmente, as saudades do maravilhoso Canadá.

Anúncios

Back to the 90’s

Na década de 90, quando ainda não havia internet como hoje, e consequentemente nada de tripadvisor ou kaiak ou mesmo tantos blogs para nos ajudar a destrinchar roteiros e minimizar o risco de “micos”, como o Viaje na Viagem, Conexão Paris ou Mikix, tínhamos que contar com o nosso amigo, o agente de viagens.
Após aquela “clássica” ida à Disney com meu filho de 7 anos (sim, não foi só ele quem curtiu, eu o marido nos esbaldamos), coloquei uma idéia na cabeça: Canadá. Li um pouco sobre o destino em todo material que consegui, o que incluiu algumas idas ao Consulado, e meu desejo só fazia aumentar.

Québec vista das muralhas

A Kátia, da BB TUR, foi de uma competência e boa vontade ímpares, pois meu sonho incluía viagens de trem entre as cidades canadenses escolhidas, Toronto, Montreal e Québec, além de cinco dias em Nova Iorque e mais alguns dias em Orlando, pra contentar o filhão (han, han…). Esse tal planejamento levou nada mais nada menos que cerca de três meses, em que quebramos nossas cabecinhas para conseguir o melhor pelo menor preço, ou como dizem os americanos, best value. Hotéis foram alterados mais de uma vez, e o esforço foi recompensado. Lembro-me bem do Manoir Victoria, na vieux Québec, muito bom e bem localizado, assim como todos os outros do roteiro.

Toronto, a mais cosmopolita das cidades canadenses

Hoje temos todo esse arsenal de ferramentas à nossa disposição para que tudo saia da melhor forma.
Mas… sabe de uma coisa? Tenho saudades daquele tempo em que, sendo o fator surpresa na verdade bem maior, havia um certo mistério, sentia-me mais aventureira.
Retornamos ao Canadá em 2005, desta vez conhecendo também as Montanhas Rochosas (Banff e Jasper) e fazendo a tão sonhada viagem de trem de Banff a Vancouver através do Rocky Mountaineer.

Serviço (auxílios utilizados em 2005):
Aqui comprei as passagens do Rocky Mountaineer, reservei carro para as Rochosas e tive orientações valiosas
Site onde comprei passagem Toronto/Québec
Maravilhoso, com informações utilíssimas sobre Québec
Nosso querido hotel em Québec
Delicie-se, sonhe com o Rocky Mountaineer…