Beaune, Côte d’Or

Chateau de Pommard

Se vocês leram o post Roteiro Musical estão lembrados que eu planejava assistir ao Festival de Música de Besançon (Franche-Comté). Para visitar a região resolvi fazer base na adorável cidade de Beaune, Borgonha.

Não nos arrependemos. A vilinha é linda, charmosa, gastronomia excelente e barata. Dêem uma olhadinha:

Hotel-Dieu

Casario charmoso e muito verde

Show de luzes na fachada da Igreja

Os charmosos telhados em mosaico...

Viajamos desta vez com amigos queridos que ainda não conheciam a Europa, então resolvi adiar o roteiro musical que havia planejado. Mas mantive a Borgonha, pois já estava muito apaixonada pela região depois deste post e todos os comentários dos trips lá no Viaje na Viagem. Foram seis dias maravilhosos explorando a região e curtindo a cidade.

A Borgonha é uma província muito rica e interessante, pois oferece de tudo um pouco: lindas cidades medievais, castelos, abadias, catedrais,  vinícolas maravilhosas, paisagens de tirar o fôlego, gastronomia excelente, arte e museus – ufa! Desde o Brasil vimos que seria difícil escolher, dentre tantas opções, o que conhecer. E ainda queríamos ir a Besançon, capital do Franche-Comté, província vizinha.

Um único conselho: embora você consiga ir de trem até Beaune, nem pense nisso! A estação de Beaune não tem elevador, você tem que carregar as malas pela escadaria. Compre sua passagem de trem até Dijon pela SNCF, ainda no Brasil, para poder aproveitar os descontos, que são ótimos nas compras via internet e reserve seu carro para retirada em Dijon, há várias locadoras na estação do TGV. É, eu não fiz nada disso… foi, digamos assim, aventura demais pra o meu gosto.

Nos próximos posts, nossas impressões e dicas sobre essa linda região.

Au revoir!