Relaxando em Vancouver e Victoria

Planejar uma viagem é essencial para aproveitar ao máximo cada cidade/região visitada, qualquer que seja o seu objetivo. Confesso que não fiz o meu dever de casa direito nessa viagem. Saí do Brasil sabendo que os 3 dias que tinha reservado para Vancouver não seriam suficientes, mas estava numa queda de braço com a CVC, que havia errado a minha reserva, e não quis fazer a alteração dos bilhetes, mas isso é outra história.

Fato é que chegamos a uma cidade deslumbrante e não tínhamos tempo para tudo o que queríamos ver. Conversei com o marido e decidimos que 1 dia seria dedicado a Victoria, capital da província, e nos outros 2, em Vancouver, relaxaríamos. Isso mesmo. Sem compromisso de madrugar, andar o dia inteiro e dormir tarde, naquele afã de ver o máximo.

Passeamos muito pela Gastown, lugar onde surgiu a cidade, e que estava bem pertinho do nosso hotel. A Water Street, a principal da região, tem ruas pavimentadas de pedras (para meu desespero, quando estava arrumadinha, de salto) e lâmpadas a gás, com muitas lojinhas e cafés charmosos. Mas o mais interessante é o relógio a vapor, que toca a cada 15 minutos – um charme, é do século XIX. Na primeira noite, procurando um lugarzinho BBB pra comer, topei com a Old Spaghetti Factory, que pratos gostosos! Ao final da refeição, a simpática garçonete perguntou se eu aceitava sorvete e eu já ia dizendo que não, quando ela esclareceu – “está incluído…” ôpa, então vamos provar o sorvete!!

Vancouver, como várias outras cidades, também tem a sua Chinatown. Na minha opinião, esta é bem mais interessante que a de Nova York, mas tenha um certo cuidado ao circular por suas ruas e naquelas que dão acesso, o ambiente é um pouco pesado.

Portal da Chinatown, uma charme

Dr. Sun Yat-sen Classical Chinese Garden

O Dr. Sun Yat-sen Park é um jardim chinês, na verdade o primeiro jardim da dinastia Ming em tamanho real construído fora da China. Super relaxante… Para a sua construção, mais de 50 artesãos vieram de Suzhou, Cidade Jardim da China. Imperdível.

 Stanley Park é o lugar para onde todos convergem em busca de lazer. Ali pode-se alugar bicicletas, caminhar em trilhas, observar a beleza do porto English Bay e admirar as montanhas da costa, nos dias claros. Infelizmente, na foto, não dá pra observar as montanhas, pois estava nublado. Dentro do parque, o  Aquário de Vancouver é ótimo, vale e muito a visita.

English Bay, Stanley Park

Réptil proveniente da floresta amazônica, no Vancouver Aquarium

Beluga

Durante a viagem não alugamos carro o tempo inteiro pois não havia necessidade, nas cidades maiores poderia até atrapalhar; nas Rochosas, entretanto, foi fundamental e ajudou muito. Agora, para visitar a ilha Victoria, tínhamos que decidir se seria ou não vantajoso alugar. Como eu sou um pouquinho (han, han…) comodista, não analisei muito as outras opções, mas o sistema de transporte público em Vancouver é excelente. Fato é que, chegando ao ferry que nos levaria a Victoria, tivemos uma grande surpresa; na verdade eu achava que seria algo parecido com a balsa que fazia a travessia entre Santos e Guarujá, velha conhecida desde a infância (pausa para risos). Era um bichão enorme,  3 andares só de estacionamento, lanchonetes, várias lojas. Problema: tarifa compatível com todo esse serviço e comodidades durante  1 hora de travessia. Ainda bem que eles aceitavam cartão de crédito…

Homem de kilt tocando gaita de foles ao lado de totem - combinação estranha

Parlamento, Victoria

Parlamento, Victoria

Espero que vocês tenham gostado deste rolêzinho pelo Canadá, lindo país de povo simpático e acolhedor, apreciadores do “gingado brasileiro”.

 

Anúncios

2 pensamentos sobre “Relaxando em Vancouver e Victoria

  1. Oi Virginia,
    Tai 2 lugares que eu gostaria muito de ir. Minha filha fez intercambio em Vancuver e adorou.
    Voce fez milagre. Conheceu um bocado de coisas em 3 dias. Até a ilha Victória.
    Saudades. Precisamos de outra ConVnVenção.

    • Oi, Flora,
      Sabe que eu tenho muita vontade de voltar? Mas voltar e passar um tempo longo, amei aquela cidade, não tem a agitação de Toronto e é linda, muito organizada. Será que tem intercâmbio pra nossa idade??
      Também estou com saudades, você é uma pessoa com uma energia incrível, o seu bom humor e disposição contagiam. Vamos ver se sai a ConVnVenção Tiradentes. Beijos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s